Pesquisar neste blog


Um dos blogues mais bonitos e originais e que merece ser visitado mais do que uma vez, pelas suas curiosidades, historias num mundo magico, videos de musica e cinema, entre muitas outras coisas...
(Dito por um fã)

_____________________________


O primeiro passo para superar o bloqueio de escritor não é começar a pensar, mas começar a escrever." ~*~ Christopher Rice.

A Minha Melhor Amiga

Daisypath Friendship tickers
Se eu tenho um contador de namoro, porque não um contador de amizade?? ;)

Namorando...

Daisypath Anniversary tickers
Um dia sem ouvir a tua voz é como descobrir que o mar morreu.

sábado, dezembro 28, 2013

Escravidão

Não tenho nada para escrever
Mas sinto que tenho tanta coisa para desabafar.
Não posso falar,
Só posso sentir.
Mas se não gritar,
Posso estar a mentir
Sobre aquilo que sinto!

Está quase a acabar
Estes dias sem dormir.
Estes dias de sufoco.
Quando este fase terminar
Um novo rumo tenho de seguir

Tenho de decidir
Se vou continuar em falar
Sem desabafar, sem gritar,
Se vou continuar a mentir.

Tenho de me focar,
Porque não é isto que quero!
Não quero escravidão...



sexta-feira, novembro 22, 2013

Mulheres na religião

Nada como um tema forte e marcante para assinalar o regresso á minha escrita no blog, ja tinha saudades disto, pois ser empregado sonae não é nada fácil, e o João já lá ta á cerca de treze anos! Depois falo sobre essas novidades, assim que possa, como é evidente.

Passemos ao tema que venho aqui falar, religião! Desde que vi o filme "O Codigo Da Vinci" que comecei a ver realmente o que era a igreja e cada vez acho mais que tenho razão em pensar assim, e até já conheci pessoas mais velhas que eu, que supostamente poderiam ser católicas ferrenhos, mas não, curiosamente têm as mesmas ideias e o mesmo pensar que eu! Não se trata aqui de acreditar ou deixar de creditar
na figura de Deus, trata-se da própria igreja que devia mudar radicalmente a sua maneira de pensar e de agir.

Depois do restauro das Catacumbas de Priscila há quem defenda que os frescos destes subterrâneos que serviram para sepultar cristãos entre os séculos II e V mostram que a igreja dos primórdios era bem mais progressista no que toca à ordenação de mulheres.
Relacionar este tema com o cemitério romano redescoberto no século XVI, escavado 300 anos depois e que acaba de reabrir depois de cinco anos de trabalhos de restauro não é novo, mas agita sempre as águas. De um lado as associações que querem ver as mulheres a desempenhar funções de sacerdotes na igreja católica, do outro, como seria de esperar, o Vaticano e os seus arqueólogos a dizer que as alegações não passam de “contos de fadas”.
 Claro que para os do Vaticano é um "conto de fadas", é tudo um jogo de interesses! Dar força ás mulheres seria por de lado muitas das suas ideia, e permitir o casamento dos Padres e Bispos, aceitar que Jesus tenha sido casado e que desse casamento tenhas nascido uma menina chamada Sara! Seria deitar por terra muitos séculos de decisões erradas! Como por exemplo a perseguição aos Templários e ás mulheres que eles
acham ser bruxas ou feiticeiras.

O debate reacendeu-se agora porque os trabalhos de conservação no labirinto subterrâneo com 13 quilómetros dedicaram especial atenção às pinturas murais, que foram cuidadosamente limpas com recurso a tecnologia laser, revelando com maior nitidez pormenores que podem sustentar a tese de que as primeiras comunidades cristãs tinham mulheres-padres. É pelo menos nisto que acreditam as organizações Women’s Ordination Conference (norte-americana) e a Association of Roman Catholic Womenpriests (internacional), que vão buscar dois exemplares de frescos para ilustrar as suas teorias.Um deles está num quarto conhecido como “Cubiculum da Mulher do Véu” e mostra uma figura feminina de braços erguidos, à semelhança de um padre que celebra missa. Diz a página oficial deste sítio arqueológico que as vestes que usa são litúrgicas e que até tem uma estola, faixa de tecido que faz parte dos paramentos usados pelos sacerdotes. Noutro espaço, “A Capela Grega”, está representado um grupo de mulheres sentado a uma mesa, evidenciando gestos reconhecíveis por quem assiste hoje a uma missa.
Se quiserem podem ler o resto do artigo, está muito interessante.



segunda-feira, outubro 07, 2013

Adaptar... e seguir em frante


Parece que  sempre foi minha sina fazer o que não gosto, adaptar-me aos outros ignorando aquilo que realmente quero. Há pouco tempo encontrei algumas coisas que gosto mesmo muito de fazer. A bijuteria ja alguns sabiam que eu gostava, mas usar as missangas e aplicar em roupas, fazer bolsas em tecido, etc, usar uma maquina de costura, coisa que eu nunca tinha feito antes, mas que estou a aprender sozinha e estou a adorar, e agora vem o joao com a obsessão dele em querer por-me  la dentro do continente vai-me tramar tudo, nem faço o curso do IEFP nem me dedico ás minhas costuras para poder divulga-las e quem sabe vender alguma coisa.
Estou chateada, mas que hei-de eu fazer? Mais uma vez vou ter que me adaptar. Vamos ver no que dá, sei que estou parada e sem trabalho há algum tempo, e sei que preciso dele, mas tem mesmo de ser  no contiente? Tenho mesmo que ter o joao a controlar-me? Já nao me bastava os pais, agora é o marido! Pensei que alguma coisa iria mudar, mas devo-me ter enganado.

sexta-feira, agosto 23, 2013

Chinês com olhos de gato

Um jovem chinês foi identificado por possuir visão noturna. Assim como também um gato siamês, seus olhos azuis “trocam de cor” no escuro para um verde neon quando iluminado por uma lanterna e sua visão noturna é suficiente para que ele preencha formulários em um quarto escuro.
Jornalistas chineses o visitaram em sua casa localizada na cidade de Dahua, há três anos. Eles gravaram imagens de Nong Yousui no escuro e constataram suas habilidades.
Na época, o caso ganhou pouca atenção, mas ‘pipocaram’ matérias sobre ele em toda a internet. Se o garoto realmente tem uma mutação genética que lhe confere visão noturna, assim como os felinos, não seria interessante pesquisar sua genética? Biólogos evolutivos e geneticistas agora concordam com isso e querem entender como isso é possível.

 
Fonte: Curiosidade da Terra

quarta-feira, agosto 21, 2013

O Culto

Na crença céltica e druidica cada pessoa tinha a responsabilidade de passar seus conhecimentos adiante, para as pessoas que estivessem igualmente aptas a entenderem a lei de causa e efeito, também conhecida atualmente como lei do carma.

Não admitiam que a Divindade pudesse ser cultuada dentro de templos constituídos por mãos humanas, por isso faziam sua cerimônia nos campos e nas florestas, principalmente onde houvesse antigos carvalhos.

Em vez de templos fechados eles reuniam-se nos círculos de pedra, como se vêem nas ruínas de Stonehenge Avebury, Silbury Hill e outros.

Enquanto em alguns dos festivais célticos os participantes o faziam sem vestes, os Druidas, por sua vez, usavam túnicas brancas.

Sempre formavam os círculos mágicos visando a canalização de força.

Os ritos sagrados eram feitos na Natureza, obra prima concebida pelas mãos do Criador.


domingo, agosto 18, 2013

Razão...

Mesmo quando a tenho sou obrigada a permanecer calada, quando quero subir e mostrar que não sou estupida, sai tudo ao contrário.
Para quê que ando a tentar ser alguém que não sou?
Para quê que ano a tentar das respostas, mesmo quando tenho razão, se no fundo nunca o fiz?
Sempre engoli todos os sapos, sempre permaneci calada, sempre chorei sozinha para libertar a raiva!
Porque motivo ando aqui a seguir os concelhos da minha mãe? Ando a querer ser como ela só que eu sei que sou bastante diferente! Calada!
É verdade que ando cansada de ficar calada, mas é mais um sapo que tenho de engolir pois tenho de continuar a ser assim. Com ou sem razão...


E afinal de contas tenho um blog pra quê? Pra poder escrever aquilo que não posso falar!

quarta-feira, agosto 14, 2013

Aprendendo com os erros

Eu sei que é assim que funciona, mas fico tão danada quando sei que a culpa é minha! Arranjem outra cobaia para "cuscar" a vida e deixem-me a mim em paz!
Já não basta irem ver o que tenho nos armários de casa agora também vêm ver as fotografias da minha máquina sem autorização? Era só uma ou duas, não era para ver TUDO! Até porque muito do que lá estava era privado, só meu!
Mas ok, respirar fundo e seguir em frente. É com estas merdas que eu aprendo, e tenho mesmo de aprender que nem toda a gente tem os mesmos princípios que eu, e que não têm o mesmo tipo de respeito pelos outros que eu tenho! (Será que devia ter?)
Bela maneira de finalizar o dia de aniversário quando falta um mês para o meu casamento! Ter a minha maquina fotográfica revistada pela sogra.



quarta-feira, julho 17, 2013

Chegou a hora...

Toda a vida fiz as coisas á maneira dos outros, pela vontade dos outros e não pela minha.
Mil e um cursos deitados ao lixo porque não servem para nada, ou porque quando tenho a qualificação exigida ou porque não tenho a experiencia necessária, ou o conhecimento pretendito.
Estou cansada e chegou a hora de eu começar a fazer as coisas á minha maneira e não á maneira dos outros sempre esperando um apoio, um sorriso, uma força, porque é coisa que eu não vou ter, porque sempre que foi á maneira deles deu errado!


quarta-feira, julho 10, 2013

Como seriam algumas personalidades históricas hoje

Henrique VIII - polêmico rei inglês.
Você já parou para pensar como seria a vida de Maria Antonieta no século XXI? E de William Shakespeare? Se parece muito difícil imaginar a rainha francesa usando um iPhone, a criatividade do canal de TV britânico Yesterday pode ajudar.

Para comemorar o lançamento de sua mais nova série “The Secret Life of…”, que conta causos obscuros da vida de grandes personalidades históricas, o canal encomendou alguns retratos atualizados de grandes nomes da trajetória da humanidade.
Elizabeth I – filha de Henrique VIII com Ana Bolena.

Como resultado da brin
cadeira, surgiram uma Maria Antonieta que poderia ser a melhor amiga da Paris Hilton e um Shakespeare que seria provavelmente encontrado em um Starbucks digitando freneticamente no seu MacBook Pro, entre outros.

Infelizmente, a série de 14 episódios, que estreou no último dia 2, não tem previsão de vir para o Brasil e o serviço on demand do site não atende aos IPs daqui. Resta esperar para que uma boa alma passe os episódios para o YouTube.

segunda-feira, julho 08, 2013

Eu serei para ti...


Eu não tenho necessidade de ti e tu
não tens necessidade de mim.
Mas se tu me cativas, teremos
necessidade um do outro.
Serás para mim, único no mundo.
E eu serei para ti, única no mundo.
~*~
Antonie de Saint-Exupéry
 
 

domingo, julho 07, 2013

Sal

Toda a gente gosta de temperar a comida com um pouco de sal, eu noto isso, a minha avó põe carradas de sal em tudo, seja lá o que for, mas eu tenho vindo a optar por reduzir o sal nos alimentos, por isso quando alguém põe um pouquinho a mais eu noto a diferença, e já não me sabe tão bem. O sal faz retenção de liquidos, e...

o excesso de sal é um importante factor causador de aumento da pressão arterial e de doença vascular.
Daí que seja importante reduzir esse hábito! Não é fácil porque todos nós estamos ligados ao sal e é complicado temperar os alimentos sem usar um pouco de sal.
Mas ainda que este problema e as suas consequências estejam bem identificados é difícil resolvê-lo. Uma das razões é a presença insidiosa, quase invisível, do sal em muitos produtos alimentares do nosso dia-a-dia. Conservas, enchidos e fumados de carne ou peixe, mas também leguminosas ou hortícolas enlatados são um exemplo, assim como o são o queijo e o pão. Mais difícil será imaginar que algumas bolachas, mesmo doces, ou ainda sopas embaladas terão uma quantidade de sal exagerada, mas esta é a realidade. E importa saber também que um caldo de carne tem quase metade do seu peso constituído por sal.

sábado, junho 22, 2013

Desabafo...

Gostava tanto de ser diferente! Gostava tanto.
Sou muito mansa, mansa até demais. E depois passo por estupida, por parva, por esquisita! 
Tenho tanta vontade de me impor, de conquistar o meu lugar, de sentir que os outros me respeitam, mas não, toda a gente pisa no meu ombro! e eu nao sou capoaz de  dar aquela reposta de fazer aquele olhar, de conquistar o meu espaço.
Estou farta de ser assim, estou farta! e nunca soube porquê!


segunda-feira, junho 10, 2013

Sempre foi assim...

Eu sempre pensei que não tinha valor
Sempre me fizeram pensar que era inutil
Julguei que o meu lugar era longe do mundo
Marcaram-me de tal forma, nesses momentos
Que ainda hoje tento mostrar ao mundo que não sou inútil!





quinta-feira, maio 09, 2013

Lágrimas

Muitos fazem poemas á volta do tema, do sentimento, do simples rolar de uma gota.
Lágrimas podem ser de alegrias, de tristezas, de saudades, mas podem ser muito mais do que isto!
Lágrimas são todo o turbilhão de palavras que ficam encravadas na nossa garganta sem que haja voz suficiente para as poder gritar.
Lágrimas são todas as recordações que temos e que nos marca e que por mais que as queiramos apagar ficam gravadas na nossa memoria e nos atormenta e nos provoca...
Lágrimas!
Para muitos, menos dedicados ao sentimento dos outro é apenas uma gota que rola, um líquido composto de sais minerais, proteínas, gordura e água...

Raiva

A raiva faz coisas milagrosas.
Por raiva vamos buscar forças onde nem sabemos que elas existem.
Por raiva percorremos aquele caminho com o peso mais pesado sem termos vontade de fracassar, pois nessa palavra já não existe!
Por raiva, somos animais selvagens.
Por raiva...


terça-feira, abril 16, 2013

Verdadeiras lições que os animais nos ensinam

Os animais são mais carinhos e inteligentes do que as pessoas e têm ainda a vantagem de nunca nos desiludir, pois quando eles sentem que podem confiar em nós e que somos um porto seguro são capazes das maiores demonstrações de amor.
Os instintos dos animais são mesmo uma coisa impressionante, toda a vida ouvi dizer que as gatas não gostam que mexam nos filhos e quando quando isso acontece que elas os mudam de sitio, e ja comprovei isso nas diversas vezes em que tivemos gatos e gatas por aqui, elas tratam sempre de os esconder, só que desta vez houve algo que mudou.


Esta gata, foi-nos dada o ano passado e este ano teve filhotes e como era a primeira vez sempre pensámos que ela os iria rejeitar, mas foi completamente o contrário, e sabem a melhor parte? Ela trouxe-os cá para casa com um uma semana de vida, num diz em que chovia torrencialmente! E vejam lá a inteligência dela, sabe que cá dentro tem o conforto, o carinho e a comida.



Da esquerda para a direita
Pretinha, Luna, Malhada, Riscas.
Imaginem qual não foi o nosso espanto ou ouvir um gatinho bebé a miar no beiral da nossa porta. 
Nós sabíamos mais ou menos onde ela os tinha, mas como os terrenos estavam cheios de água nunca nos atrevemos a ir mesmo atrás dela, mas dava para ver da janela todo o percurso que ela fazia trazendo mais um filhote.
Ela ainda esteve a dormir na nossa cozinha algumas semanas até os filhotes completarem um mês no dia 11 de Abril, agora estão no nosso quintal numa casinha bem abrigadinhos. 


terça-feira, março 12, 2013

quinta-feira, fevereiro 21, 2013

Comentarios




Estou farta dos comentários dos meus pais 
e da maneira como falam, parece que sou uma inútil! 
Eu de facto sinto-me assim mas 
não é necessário acentuar o sentimento ainda mais!

segunda-feira, fevereiro 18, 2013

sábado, fevereiro 16, 2013

Amizade

Era uma vez uma menina...

Amizade? Amizade é uma coisa estranha, uma coisa com a qual poucas vezes dei de caras. Deve ser espécie em vias de extinção. No entanto não de ser em todo o lado porque em alguns sitios Amizade até se reproduz bem, parece mato! Mas tem outros, como no meu caso em que a semente murcha mesmo antes de eu a plantar...
Amizade é um ser muito sensível, acho que ninguém sabe como é que ele nasce e cresce e se reproduz. Mas sei quando é que entra no seu casulo para se transformar em Amor, como uma bela borboleta.

sexta-feira, fevereiro 15, 2013

Delicia de Bolacha e Café

O meu pai de tão guloso que é um destes dias trouxe uma receita de um pacote de açúcar para eu fazer, e como hoje ele faz anos, fui experimentar a ver como fica.

Ingredientes:

250g bolacha maria
200g manteiga
200g açucar amarelo
1 café bem forte
4 gemas

Preparação:
Picar bem a bolacha. Juntar a manteiga, o açúcar, o café e as gemas e mexer bem até tudo ficar ligado. Forrar uma forma de bolo inglês com papel de alumínio e colocar a mistura dentro. Tapar com mais papel de alumínio e levar ao congelador. Retirar 10 minutos antes de servir. Desenformar e retirar o papel de alumínio.
Sugestão: Decorar com bolacha triturada.

Como podem ver eu não tenho forma de bolo inglês e por isso fiz numa redonda, o que não dá muito jeito para desenformar,  não decorei com bolacha porque ela acabou, mas pronto, não foi por aí que ele não se comeu, estava realmente delicioso. Receita aprovada!

quinta-feira, fevereiro 14, 2013

Receita para uma tarde bem passada

Não há nada melhor do que uma tarde de dia dos namorados passada na sala deitados no sofá a ver um filme e a comer pipocas com chocolate. Achei a ideia meio louca porque eu apenas queria que elas ficassem doces, eis que o João se lembra de colocar uma colar de sopa de chocolate em pó ( felizmente havia na despensa), e não é que elas ficaram mesmo boas!



Ingredientes:
5 colheres de sopa de óleo
5 colheres de sopa de milho para pipoca
5 colheres de sopa de açúcar
3 colheres de sopa de água
1 colher de sopa de chocolate em pó


Preparação:
- Colocar tudo na panela.
- Levar ao fogo baixo à médio, mexendo sempre devagar.
- A pipoca irá demorar um tempo maior para começar a estourar.
- Desligar o fogo quando o intervalo de tempo entre os estouros da pipoca diminuir.
- Está pronta para comer.

 Querem melhor receita que esta? Só mesmo de encomenda! =)

quarta-feira, fevereiro 13, 2013

Strelitzia reginae: a ave-do-paraíso

Esta é daquelas flores que eu simplesmente adoro, não só pela sua forma curiosa, como também pela sua cor, ja tentei comprar a semente para a plantar em casa, mas não sei porquê não nasceu nada, talvez o tenha feito na altura errada ou talvez a quantidade de água ou sol não tenha sido a mais adequada, enfim, por esse motivo fui pesquisar sobre ela e isto foi o que encontrei.
Ela é considerada a flor-símbolo de Los Angeles: é a strelitzia ‚ uma flor colorida e de longa duração, cujo formato lembra uma vivaz e colorida ave.
Popularmente, ela é mais conhecida como "ave-do-paraíso", apesar de receber também outros nomes, dependendo da região, mas seu nome botânico é Strelitzia reginae.
Segundo se sabe, o nome 'strelitzia' foi escolhido em homenagem à rainha Charlotte Sophia, duquesa de Mecklenburg Strelitz e esposa do rei George III, da Inglaterra.Near Orosí, Costa RicaImage via Wikipedia
Nos jardins, a strelitzia faz muito sucesso, formando vistosos maciços sobre os gramados, mas é na composição de arranjos e decorações florais que ela mostra a sua maior glória: suas flores,belas e exóticas, dão um show de durabilidade, colorido e versatilidade.Parente próxima da helicônia e da bananeira, a strelitzia apresenta folhagem exuberante, de coloração verde-escuro, que contrasta com as nervuras centrais das folhas, de tom avermelhado.

terça-feira, fevereiro 12, 2013

Bolo de chocolate

Ingredientes:
3 gemas de ovo
7 colheres de sopa de adoçante
3 colheres de sopa de leite magro, quente
Vegan Chocolate Fudge.

80 g. de farinha integral
1 colher de chá de fermento em pó
20 g. de cacau em pó
3 claras
100 g. de geleia de framboesa, pouco doce
15 g. de raspa de chocolate


Confecção:
Bater as gemas, o granulado adoçante e o leite até obter um creme fofo.
Misturar a farinha com o fermento e o cacau em pó. Bater as claras em castelo. Misturar alternadamente e com cuidado, ao creme fofo, a farinha e as claras. Deitar o preparado numa forma, forrada com papel vegetal.
Cozer cerca de 20 minutos em forno previamente aquecido a 180º. Deixar arrefecer e desenformar. Dividir o bolo em 2 partes. Espalhar na parte inferior a geleia. Colocar por cima a outra metade. Cobrir com a restante geleia. Decorar com a raspa de chocolate.


quinta-feira, janeiro 31, 2013

Ás de copas

Tudo o que sei, é que estou cansada! Farta! Desgastada deste maldito jogo! Sempre que penso que tenho um trunfo na manga os meus pais viram o jogo contra mim e as minhas cartas deixam de ter qualquer valor, e eu já não sei como jogar, estou cansada disto. Estou farta de morar com eles, quero viver a minha vida mas resposta que levo é "Faz as malas e sai" só que se eu o fizer, depois eles recusam-se a pagar a nossa festa, o nosso casório, fico por minha conta. No fundo eu até quero isso, estou de lhes pedir dinheiro para todas as minhas necessidades. Tenho mesmo vontade de fazer as malas e sair, mas será que vale a pena correr o risco de nunca mais vir a falar com os meus pais? Só porque eles não concordam que eu vá morar com o meu namorado?
Onde está aquilo que eu tanto desejo? Onde está o tão desejado trufo para eu poder jogar contra eles e poder sair de casa sem remorsos e ser eu a pagar a minha festa de casamento sem ter que lhes pedir um único cêntimo? Onde está? Onde está?


domingo, janeiro 20, 2013

Solidão

O Mar atirou-me um grito desesperado, mal sabia ele que eu estava desejosa de mergulhar nas suas águas, ser sereia e desaparecer na espuma das suas ondas...



Sea by ~Sinto-risky on deviantART

quinta-feira, janeiro 17, 2013

Gravidez...

Os meus pais sempre me aterrorizaram com a ideia de eu engravidar, e felizmente nunca aconteceu. Mas e quando for a sério?
Quando eu e o João quisermos ter filhos. Será que vou perder o medo?


pregnancy by ~gutek6000 on deviantART

terça-feira, janeiro 15, 2013

Criança...

Como é que se cura aquela criança rebelde que temos dentro de nós, que grita, que refila, que bate o pé, e que sem darmos conta nos abriga a fazer coisas que até nem queremos, e que assim não nos deixa ser os adultos que devemos ser, os adultos que os outros esperam que sejamos, só porque ela é forte demais e não a sabemos domar...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...