Pesquisar neste blog


Um dos blogues mais bonitos e originais e que merece ser visitado mais do que uma vez, pelas suas curiosidades, historias num mundo magico, videos de musica e cinema, entre muitas outras coisas...
(Dito por um fã)

_____________________________


O primeiro passo para superar o bloqueio de escritor não é começar a pensar, mas começar a escrever." ~*~ Christopher Rice.

A Minha Melhor Amiga

Daisypath Friendship tickers
Se eu tenho um contador de namoro, porque não um contador de amizade?? ;)

Namorando...

Daisypath Anniversary tickers
Um dia sem ouvir a tua voz é como descobrir que o mar morreu.

quarta-feira, março 26, 2008

As Cartas de Condução

As Cartas de Condução

E muito bonito, quando fazemos os 18 , ir tirar a carta de condução parece quase um ritual de uma iniciação qualquer. E claro que depois os pais dão logo um carro aos filhos e etc, e eles vao com ele para a escola, porque é giro e da classe, lol.

Pois so que isso nao acontece com todos, nao que eu tivesse vontade de ter a carta logo aos 18, mas porque nem todos têm as mesmas capacidades financeiras. Enfim...

Tirei aos 21, e se soubesse o que sei hoje acho que so a tinha tirado quando saisse de casa dos meus pais. So me apercebi disto quase apó um ano de ter a Carta.
As aulas de codigo vou passar á frente, aprende-se muito, claro, mas nao é disto que quero falar.
No inicio foi giro, a minha primeira aula de condução, ver como é que aquelas maquinas funcionam, porque apesar de serem muito bonitos nao passam de maquinas.
Fui tendo as minha aulas, aprendendo a trabalhar com o carro, e a estar atenta aos sinais, aos outros carros e vendo quando ha prioridade ou nao e parar em TODOS os sinais de STOP! Mesmo quando nao vem nenhum carro do outro lado, foi isso que me ensinaram. Adiante...

Exame de Condução, uns nervos do caraças, mal conseguia ter a precepção do que se passava á minha volta, mas minhas maos estavam coladas ao volante, nem sei como é que consegui por as mudanças e ouvir a examinador que falava baixinho e mal se entendia.

Passei!
O outro rapaz que foi comigo tambem, so fez porcaria e passou. Talvez o examinador estivesse bem disposto naquele dia.
Assim que voltei a Sintra, liguei logo para a minha mae e contei que tinha passado. Ela ficou feliz, como é claro, mas o meu pai nao expressou muito isso, ja quando passei no codigo foi a mesma coisa.

Cerca de um mes mais tarde, ja tinha Carta, toda bonita e cor-de-rosa. E como é natural passei a andar com a minha mae para ela ver o que eu fazia. E aqui começa o verdadeiro tormento...

SEMPRE que ela me pedia para ser eu a levar a carrinha eu ouvia:
- Poe o cinto
- Olha os espelhos
- Vira a esquerda
- Vira a direita
- Olha a rotunda
- Olha o carro´
- Segura o carro
- Poe Segunda
- Poe terceira
- Poe Quarta
- Faz pisca
- Olha o Semafro
- ...................

Para alem de outras coisas, e outro pequenos sermoes quase aos gritos comigo.
Eu sei que nao sei tudo, mas nao é a gritar que ela me vai ensinar seja o que for. Alem de que em muitas coisas eu prefiro aprender sozinha, acho que é assim que se aprende de verdade, mas enfim, nem na cozinha ela me deixa fazer o que quer que seja sem estar ao meu lado e a forma que ela tem de ensinar é fazendo ela e eu fico a ver.
Mas voltando aos carros, após este tempo todo que ando com ela ( qualquer outro ja andaria sozinho) eu sinto-me desmotivada para conduzir, ela faz-me pensar que nao sei rigorosamente nada e que so andei na escola a gastar o meu dinheiro, sim porque eu trabalho mas nao ganho nenhuma fortuna.
Porque é que os meninos ricos têm tudo e eu nem sequer consigo fazer as minhas coisas sozinha?
Será que o defeito realmente meu, ou será que as escolas ja nao sabem ensinar?
No maximo um novato andaria uns dois ou tres meses com os pais mas eu ja ando ha quase UM ANO!!!

:(

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...